Pantaleone


Pantaleone sempre foi o elo entre os irmãos. Apesar de ter falecido, sua lembrança nos deixa sempre com um gosto de calma e força. Tenho por ele um carinho muito especial.

Sua família sempre teve muito orgulho dele, pois era um homem muito bom.

Pantaleone formou-se em medicina em Belo Horizonte, em 1934, tendo clinicado por um ano no Rio e indo logo para Juiz de Fora, onde se firmou como cirurgião e obstetra. Além da clínica particular pertenceu aos quadros do INPS, Correios e Telégrafos, Santa Casa, Casa de Saúde, Hospital da Grama, Sport Club Juiz de Fora, onde também foi membro do Conselho, da Cia. Seguradora Novo Mundo e como atendente da Cia. Pantaleone Arcuri.
Sofreu o primeiro infarto e se desligou de suas atividades. No segundo infarto, foi levado para São Paulo, onde submeteu-se a intervenção cirúrgica pela equipe do dr. Zerbini, vindo a falecer em 29 de junho de 1974.


voltar

 

 

 

 

pantaleone pantaleone pantaleone pantaleone pantaleone pantaleone
pantaleone pantaleone pantaleone pantaleone pantaleone pantaleone

 

 

in memoria